Semana da Família 2013 – 1º Dia – Blindados pela Palavra

Categories: Família,principal,Sem categoria


Introdução: Hb. 1:1-3.

Este texto apresenta quatro características importantes do Senhor Jesus e de como Ele age para manter e restaurar sistemas que não estão funcionando apropriadamente. A família é um sistema, e por causa do pecado e sua influência corruptora, deterioradora, necessita constantemente de restauração. Como veremos, o Senhor Jesus, que é [1] Proprietário de todas as coisas, é também o [2] Criador de tudo que existe, inclusive da família. É através de Sua Palavra (o que inclui a Bíblia), que Ele [3] sustenta todas as coisas, [4] reparando aquilo que está imperfeito. Que Esperança para mim e para minha família!

Vamos agora analisar cada uma destas características do Senhor Jesus neste texto e como elas atuam na blindagem da família:

Vamos agora analisar cada uma destas características do Senhor Jesus neste texto e como elas atuam na blindagem da família:

1)    Proprietário de todas as coisas (v. 2): “… a quem constituiu herdeiro de todas as coisas…” – como herdeiro, Ele é também Dono!

a)     Tudo pertence a Ele, coisas animadas e inanimadas

i)      Casa e bens materiais – quando alguém não reconhece o domínio do Senhor Jesus sobre as coisas materiais, não apenas pode haver sofri- mento individual, mas também de toda a família.

  1. Dívidas – podem ser também resultado do uso inapropriado dos bens materiais, fora dos planos do Proprietário. Em grande parte dos casos, elas acontecem por se gastar antes do que se ganha ou mais do que se ganha. O Senhor, Dono de tudo, pode, em resposta à oração, prover nossas necessidades sem que necessitemos contrair dívidas. Famílias blindadas evitam dívidas!
  2. Excesso de trabalho – quem não confia no sustento de Deus imagina que depende apenas de si mesmo para sobre- viver. Assim, pode trabalhar demais e o estresse resultante gera alienação e dis- tanciamento entre a família. E muitas vezes, quando alcança o que buscava, já perdeu a família, a saúde e, muitas vezes, o relacionamento com Deus. Em famí- lias blindadas, os relacionamentos, com Deus e a família, sempre tem prioridadesobre todas as outras coisas, inclusive o trabalho.
    1. Ansiedade – uma excessiva preocu- pação pelo auto-sustento pode excluir a confiança no sustento do alto. Famílias blindadas procuram nutrir um espírito de confiança e descanso em Deus (Fp 4:19).
    2. Noção correta de propriedade: quando uma família dizima, reconhece a sobe- rania, autoridade e direitos de Deus sobre as coisas materiais. O ato de dizimar é um ato de adoração a Deus, e regularmente relembra às famílias blin- dadas quem é o verdadeiro Dono de tudo.

ii. Cônjuge e filhos

  1. Relacionamento – filhos e cônjuges não nos pertencem. É a Deus, o Proprietário, que daremos contas sobre como tra- tamos o cônjuge e filhos.
  2. Responsabilidade/mordomia – a per- cepção de que são um presente de Deus, emprestado por tempo limitado, está ligada à ideia de que existe algo a fazer para cumprir na vida de nossos filhos os planos eternos que Deus tem para eles.

Mas o texto também diz que Ele é:

II. Criador do Universo (v. 2) – “…pelo qual também fez o uni- verso” .

a. O Filho, o próprio Jesus, foi o agente da Criação!

b. Como Ele o fez? A Bíblia diz que Ele falou e tudo se fez (2 Pe 3:5).

i. Não dependeu de meios naturais – o mesmo Jesus que exerceu poderes sobrenaturais para alterar a ordem natural das coisas, ainda pode exercer este mesmo poder hoje, na família! Ele é especialista em milagres! De que milagres sua família está precisando hoje? Existem coisas impossíveis que você gostaria que acontecessem em sua família? A volta de um filho para Deus? O renascimento do amor entre o casal? Pois, Ele é especialista em milagres! Famílias blindadas acreditam em milagres, e os buscam pela oração.

 

ii. Sua Palavra tem poder imenso (Is 55:11) – Ele falou e as coisas apareceram. Aquilo que Ele fala tem muito poder! Quando um indivíduo, um casal ou uma família estuda a Palavra de Deus, permite que ela tome posse da mente, e a aplica em suas transações sociais, entra em ação o mesmo poder Criador que foi exercido no prin- cípio de todas as coisas. Acabou o amor, a paci- ência, o domínio próprio? Em famílias blindadas, quando entra a Palavra de Deus, estas coisas podem ser restauradas!

III. Mantenedor do Universo (v.3) – “…sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder…” (grifo nosso). O Senhor Jesus não apenas criou todas as coisas e as deixou funcio- nando. Ele continua ativamente controlando e influenciando o funcionamento de tudo. E faz isto através de Sua Palavra.

1. A Palavra tem poder – A Palavra de Jesus é muito poderosa! Criou o Universo, devolveu vida aos cegos, mobilidade a coxos, vida a mortos e… blindagem e restauração à famílias!

2. A Palavra de Jesus é a Bíblia: “A Bíblia é a voz de Deus nos falando, tão certo quanto se a pudéssemos ouvir literal- mente.” Ellen G. White, Perto do Céu, pág. 23.

3. A Bíblia é fundamental para a blindagem e manutenção do sistema familiar: não foi apenas a Criação que dependeu da Palavra de Jesus, o Filho de Deus. A manutenção de todas as coisas, inclusive o sistema familiar, também depende de Sua Palavra.

Se parece que a família está desmoronando, pre- cisa do Filho e de Sua Palavra.

Se os filhos estão envolvidos em drogas ou com- portamento sexual fora do plano de Deus, pre- cisam da blindagem do Filho e de Sua Palavra.

Se o desemprego ou as dívidas rondam à família, ela precisa do Filho e de Sua Palavra.

Se não existe mais amor, cada membro da família necessita da blindagem do Filho e de Sua Palavra.

4. A Palavra de Jesus deve ser buscada regularmente: se a manutenção (ou o sustento) só ocorre por meio da Palavra, então, ela deve ser buscada regularmente das seguintes maneiras:

i. Individual: cada membro de uma família blin- dada deve estudar a Palavra de Deus individual- mente – comunhão particular, na primeira hora do dia (Mt 6:33), através do estudo da Bíblia e daLição da Escola Sabatina, apropriada para cada faixa etária. Participe do programa de estudo diário “Reavivados Por Sua Palavra”, por exemplo.

  1. Familiar: a família deve reunir-se duas vezes ao dia, pela manhã e à tardinha, para o estudo da Palavra – o Culto da Família. Sua família já fez um acordo sobre o funcionamento regular e diário do Culto da Família? Famílias blindadas realizam o Culto da Família.
  2. Coletiva: frequência à igreja – a família deve fre- quentar regularmente a uma igreja que valorize acima de tudo à Palavra de Deus. Existe algum princípio que coloca a frequência à igreja como prioridade suprema para todos os membros da família? Existem membros da família a quem se “permite” que não frequentem à igreja? Existem outras atividades que são consideradas mais importantes que a frequência à igreja? Famílias blindadas frequentam a igreja juntas.

c.    Buscar a Jesus através da Palavra (Bíblia): apego ao Senhor Jesus através do contato regular e constante com Sua Palavra, é uma condição fundamental para a blindagem, manutenção e restauração. Como vimos, Ele deve ser bus- cado em particular, durante o Culto da Família e na Igreja.

i. “Sem Mim, nada podeis fazer”, disse Jesus (Jo 15:5).

ii. “Tudo posso nAquele que me fortalece”, disse Paulo (Fp 4:13).

Mas o Senhor Jesus não apenas criou, e sustenta todas as coisas! Ele também pode consertar aquilo que o pecado estragou. O texto diz que Ele é…

IV. Rendentor de caídos (v. 3): “… depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade, nas alturas”. Jesus fez a purificação dos pecados quando entregou Sua vida como um sacrif ício.

  1. A entrada do pecado transtornou todos os indivíduos e sistemas, inclusive o familiar (Rm 3:23; Is 24:5).
  2. Pecado é uma condição cósmica progressiva de mau- -funcionamento que contamina indivíduos e sistemas, levando à sua desintegração final – a morte (Is 24:6). Onde há pecado, existem perda e morte (Rm 6:23)!
  3. Sem interferência sobrenatural, esta condição piora continuamente.
  4. Mas Jesus não se afasta dos pecadores, nem das famílias que estão sofrendo o resultado do pecado (Hb 13:5).

a. Jesus não rejeita a nenhum indivíduo e família que O busca para purificação dos pecados (Jo 6:37).

b. Jesus perdoa a todo indivíduo ou família que confessa sua condição pecaminosa e seus atos pecaminosos (1Jo 1:9).

c. A confissão dos erros e pecados é o pré-requisito indicado por Deus para as famílias que buscam uma blindagem sobrenatural, que desejam que Ele conserte aquilo que está estragado.

d. Aplicação: você tem o hábito de confessar seus pecados regularmente, diariamente, ao Senhor? Você também confessa regularmente a seu cônjuge e filhos erros ou pecados que lhes afetam? Sem isso, não pode haver blin- dagem ou restauração!

CONCLUSÃO:

O Senhor Jesus, que é [1] o proprietário de tudo que existe, inclusive a família, [2] o Criador do Universo e [3] o Mantenedor de todas as coisas, também é aquele que perdoa pecados e restaura as famílias. Não existe nada que Ele não possa restaurar!

  1.                     ·  Em que aspectos eu ou minha família ainda não reconhecemos o domínio do Senhor Jesus? No entretenimento, na alimentação, na espiritualidade, na sexualidade, no uso do dinheiro?
  2.                     ·  Que rotinas familiares precisam ser fortalecidas para que a Palavra de Deus tenha ação de blindagem em meu sistema familiar? Como estão minha comunhão individual, culto da família, frequência à igreja?
  3. g.                     ·  Que pecados estão atrapalhando minha vida e a vida de minha família? Egoísmo, adultério, homossexualidade, falta de domínio-próprio, ira, impaciência, intemperança, vingança, falta de perdão, pornografia e impureza sexual?
  4. h.                     ·  O que me impede de confessar meus pecados agora?
  5.                     ·  A promessa restauradora de Jesus: “… ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda sejam ver- melhos como carmesim, se tornarão como a branca lã” Is 1:18. 
É o próprio Senhor Jesus quem convida: “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo” Ap 3:20. 
Procure por orientações e ideias para a Semana da Família em www.adventistas.org/familia